PNEUMOLOGIA E OTORRINOLARINGOLOGIA

Na área de pneumologia e otorrinolaringologia, a Somed oferece exames para diagnóstico e tratamento de distúrbios respiratórios com tecnologia de ponta, conforto, acessibilidade e profissionais capacitados. Confira os exames oferecidos:

Espirometria

Este teste é capaz de medir a função pulmonar e diagnosticar doenças pulmonares crônicas como asma brônquica e DPOC (doença pulmonar obstrutiva crônica). Deve ser realizado e interpretado sempre sob a supervisão de um médico pneumologista e é de fundamental importância tanto para o diagnóstico como para o acompanhamento de doenças respiratórias crônicas.

Laringoscopia

A Laringoscopia trata-se da endoscopia da laringe, órgão responsável pela produção da voz e proteção da via aérea inferior. O exame permite visualizar o aspecto das pregas vocais e estudar a sua mobilidade.

Este exame é indicado para pacientes com alteração de voz, deglutição, distúrbios respiratórios de origem laríngea e suspeita de tumores ou lesões inflamatórias da laringe e hipofaringe.

O exame é realizado no consultório médico e requer apenas anestesia tópica nasal aplicada com spray. Não requer qualquer preparo ou cuidado especial por parte do paciente e não determina qualquer restrição de atividades após a realização do exame.

Nasofibroscopia

Nasofibroscopia é a endoscopia das cavidades nasais e rinofaringe. Permite a visualização do aspecto da mucosa nasal e de estruturas como o septo nasal, cornetos inferiores e médios e adenóide.

Este exame é indicado para estudar as condições da mucosa nasal e das estruturas que existem nas cavidades nasais e rinofaringe. É capaz de examinar a região de drenagem dos seios paranasais e de detectar alterações como desvios do septo nasal, hipertrofia de cornetos e adenóides, presença de pólipos inflamatórios ou tumores.

A Nasofibroscopia é extremamente valiosa em pacientes com rinite, sinusite, obstrução nasal, ronco e apnéia do sono.

O exame é realizado no consultório médico e requer apenas anestesia tópica nasal aplicada com spray, gotas ou gel. Não requer qualquer preparo ou cuidado especial por parte do paciente e não determina qualquer restrição de atividades após a realização do exame.

Teste cutâneo alérgico

O Teste cutâneo alérgico é um tipo de exame que avalia a presença de alergias a alguns alérgenos (substâncias capazes de causar alergias). Este teste reproduz uma reação alérgica em mínimo grau ao expormos, intencionalmente, o paciente a uma quantidade mínima de alérgenos.

O teste é realizado no antebraço direito, com a aplicação dos alérgenos. Este procedimento não causa dor. A leitura é feita após 15 – 20 minutos. Caso seja formada uma pápula (uma bolinha na pele) superior a 3mm, o teste é considerado positivo.

Durante a realização deste exame, o paciente poderá sentir uma leve coceira, vermelhidão ou inchaço no local da aplicação. O paciente permanecerá na clínica por um período de 30 minutos de observação após o término do teste.

O nosso foco na realização deste exame é a avaliação das alergias respiratórias, portanto, testamos os principais alérgenos causadores destas doenças – poeiras, ácaros, fungos do ar, pólens, lã, epitélios de cão, gato e penas. Não é nosso objetivo a avaliação de alergias alimentares ou medicamentosas. Nestes casos, o paciente deverá ser avaliado por um médico alergologista.

Com o resultado do exame, poderemos coordenar, em conjunto com o paciente, uma série de medidas para melhor controle das alergias respiratórias. Em especial, asma brônquica e rinite.

Orientações:

O paciente deverá informar ao técnico a lista de todos os remédios que está usando. 

Medicamentos do tipo anti-histamínicos (anti-alérgicos) – deverão ser suspensos 10 dias antes. O uso de astemizol ou cetotifeno deverá ser suspenso 30 dias antes.

Caso estejam presentes lesões de pele, o teste não será realizado até que haja resolução do quadro.

Teste de broncoprovocação

O teste de broncoprovocação consiste na realização de exames em série de espirometria após a inalação de doses crescentes de uma substância específica, seguindo protocolos já previamente estabelecidos pela Sociedade Brasileira de Pneumologia e American Thoracic Society. Na Somed, a substância utilizada é a metacolina, que é segura e rapidamente eliminada pelo organismo.

O objetivo do teste é detectar uma alteração chamada “hiperresponsividade brônquica”. A hiperresponsividade brônquica é uma das características da asma, porém não é específica desta doença. Pode ocorrer em outras situações, como em estados infecciosos e após exposição ambiental a determinados alérgenos (agentes capazes de produzir alergias).

Este exame é capaz de detectar alterações nos valores resultantes após as inalações, porém não é a intenção do teste causar crise de asma, isso não ocorre pois o exame é supervisionado. O surgimento de sintomas respiratórios durante o teste é uma complicação rara, sendo rapidamente revertido espontaneamente ou com o uso de substâncias broncodilatadoras.

As principais indicações deste teste são para investigação de tosse crônica ou suspeita de asma, além disso, também pode ser indicada para alguns casos de investigação de dispneia (falta de ar).

Pletismografia

A pletismografia utiliza-se de uma tecnologia avançada e é o que há de mais completo para avaliar a função pulmonar.

O exame consiste em 5 etapas:

  1. Espirometria: é a medida dos fluxos pulmonares e volumes dinâmicos.
  2. A medida dos volumes pulmonares: medem-se os volumes estáticos, o que não é possível somente com a espirometria.
  3. A medida da resistência das vias aéreas: é a resistência a qual o ar é submetido para entrar e sair dos pulmões.
  4. A medida das pressões respiratórias máximas: é a aferição da força dos músculos respiratórios, o que pode estar alterado em várias doenças neuromusculares
  5. A medida da capacidade de difusão pulmonar: é a capacidade de realizar as trocas gasosas (o oxigênio que é oferecido pelo meio-ambiente será fornecido para o sangue nos pulmões, em troca é liberado o gás carbônico).

A Pletismografia é de extrema utilidade na área da Pneumologia, mas também em outras especialidades como a Reumatologia e Neurologia.

A Somed conta com esta tecnologia para o correto diagnóstico e tratamento das doenças respiratórias, em que uma ou mais destas medidas citadas acima podem estar alteradas.

simbolo somed

Tratamentos

Na Somed você encontra reunidos no mesmo local tratamentos e exames nas áreas de medicina do sono, pneumologia e otorrinolaringologia:

medicina-do-sono

Distúrbios do Sono

doenca-respiratoria

Doenças Respiratórias

pneumo

Otorrinolaringologia

simbolo somed

EXAMES

Contamos com um dos mais modernos e confortáveis laboratórios de sono do Brasil. Os exames são realizados com polígrafos de última geração, capazes de produzir registros de um grande número de variáveis fisiológicas durante o sono com grande qualidade de aquisição.

simbolo somed

Últimos Posts do Blog

Polissonografia: como funciona e para que serve?

Polissonografia: como funciona e para que serve?

Você sabia que enquanto você dorme diversas áreas do seu cérebro controlam o sono e influenciam seus diferentes estágios? A polissonografia, também conhecida como estudo do sono, é a monitorização dessas diversas funções do organismo realizada enquanto o paciente está...

read more
Existe relação entre ronco e ganho de peso?

Existe relação entre ronco e ganho de peso?

O ronco e o ganho de peso podem sim estar relacionados, afinal o ronco é um distúrbio respiratório do sono comum que, em muitos casos, está relacionado ao sobrepeso. Além disso, sono e alimentação possuem uma relação importante. Continue a leitura e saiba mais! Sono e...

read more
Quais são as causas da falta de ar?

Quais são as causas da falta de ar?

A falta de ar ou dispneia é uma sensação caracterizada pela dificuldade intensa de respirar, que pode ter origens muito diversas. Em geral, é um sintoma que causa muita angústia no paciente, afinal, pode ser sinal de algum problema sério - como a infecção por...

read more