MEDICINA DO SONO

Instituto Somed

A Somed – Instituto do Sono e Medicina Respiratória conta com um dos mais modernos e confortáveis laboratórios de sono do Brasil. Os exames são realizados com polígrafos capazes de produzir registros de um grande número de variáveis fisiológicas durante o sono com grande qualidade de aquisição.

O ambiente do exame é confortável e individualizado. O quarto oferece privacidade e espaço para que o paciente possa guardar sem dificuldade suas roupas e objetos pessoais. Temos um banheiro para cada leito de polissonografia, permitindo total privacidade ao paciente.

A equipe de técnicos de polissonografia possui grande experiência e dispensa aos pacientes um tratamento diferenciado e carinhoso, na tentativa de minimizar o desconforto provocado pelo exame, o que traz tranquilidade e conforto aos pacientes.

A equipe médica que avalia os exames é composta por profissionais especialistas em sono, dedicados a produzir um exame de alta qualidade, que forneça todos os elementos necessários para que seu médico possa emitir um diagnóstico preciso do seu distúrbio do sono e orientar o tratamento.

Para maiores informações sobre os exames oferecidos na área de Medicina do sono, selecione o exame desejado.

Instituto Somed
simbolo somed

EXAMES OFERECIDOS

Polissonografia

O estudo do sono, ou polissonografia, é a monitorização de várias funções do organismo usada para identificar os estágios do sono, assim como diagnosticar e classificar os distúrbios do sono

O que esperar durante sua noite no laboratório do sono.

Dependendo dos seus sintomas em relação ao sono e dos achados do exame físico, seu médico poderá solicitar uma polissonografia, que é o estudo do sono durante uma noite inteira.

Passar uma noite num laboratório do sono será provavelmente uma experiência nova para você.. É importante que você saiba mais a respeito do estudo do sono antes de chegar ao laboratório do sono para que sua experiência lá seja tranquila e interessante.

O sono não é um processo simples. Muitas áreas do cérebro controlam o sono e influenciam seus diferentes estágios. Estes níveis ou estágios do sono incluem a sonolência, o sono leve, o sono profundo e o sono dos sonhos. É possível identificar em que estágio do sono a pessoa se encontra através da medida de diferentes atividades do cérebro e do corpo.

Durante o estudo do sono, as atividades fisiológicas que se processam no seu organismo (ondas cerebrais, movimentos musculares, movimentos dos olhos, respiração, ronco, freqüência cardíaca e movimentos das pernas) são monitorizadas através de pequenos discos de metal (chamados de eletrodos) aplicados em sua cabeça e pele através de uma substância adesiva. Cintas elásticas flexíveis ao redor do seu tórax e abdome monitoram a sua respiração. Os níveis de oxigenação do seu sangue e a sua frequência cardíaca são monitorizados por um sensor no seu dedo indicador. Seu sono pode ser gravado em vídeo para posterior revisão se algum movimento anormal for detectado. O técnico do sono o informará se isto acontecer.

Nenhum destes sensores provoca dor e tudo foi desenhado para ser o mais confortável possível. Se você tiver alguma dúvida sobre a aplicação dos eletrodos, entre em contato com seu médico ou converse com um técnico do sono antes do exame.

Porque eu preciso fazer o exame do sono?

Para uma melhor compreensão do seu sono e de qualquer problema relacionado a ele, é necessária a avaliação das atividades do seu cérebro, dos sistemas do organismo e suas interações ao longo da noite. Depois do estudo, um especialista em medicina do sono irá revisar e interpretar as gravações a fim de melhor compreender os seus padrões de sono específicos. Se forem observadas evidências de distúrbios do sono, as orientações terapêuticas pertinentes serão expostas a você.

O estudo do sono, assim como sua análise e interpretação, é parte de um processo complexo. Muitas horas de trabalho são necessárias por parte de profissionais treinados, incluindo técnicos em polissonografia e médicos. A informação é então interpretada pelo médico especialista em medicina do sono. Um estudo do sono típico inclui mais de 800 páginas de dados de vários tipos (ondas cerebrais, movimentos musculares, movimentos dos olhos, etc). Portanto, por ser um processo que requer tempo e trabalho intensivo, os exames geralmente não são avaliados imediatamente após sua realização, e a liberação do laudo final normalmente requer algum tempo. Os profissionais do laboratório do sono lhe darão uma ideia do tempo necessário para a liberação dos resultados.

Como vou conseguir dormir num ambiente estranho e com tantos fios ligados ao meu corpo?

Esta é a pergunta mais comum dos pacientes antes da realização do exame. A maioria das pessoas acha que o laboratório do sono vai ser um lugar frio, técnico e impessoal. A maioria dos laboratórios do sono, entretanto, conta com um ambiente amigável e confortável, como um quarto de hotel.

Os equipamentos e os técnicos ficam numa sala separada do seu quarto, e os fios dos eletrodos ficarão ligados a um conector ao lado ou atrás de sua cabeça, de forma que você possa virar de um lado para outro e trocar de posição como você está acostumado a fazer em sua casa.

No dia do seu estudo do sono, evite ingerir bebidas que contém cafeína (café, chá preto, coca-cola) após as 14:00 hs e não tire nenhum cochilo durante o dia. Antes de ir para o laboratório do sono, lave e seque seus cabelos, e não aplique nenhum tipo de spray, óleo ou gel.

Os eletrodos podem parecer incômodos inicialmente sobre a sua pele, mas a maioria das pessoas não vê neles um desconforto ou um obstáculo para pegar no sono. Os especialistas em sono sabem que seu sono no laboratório provavelmente não será exatamente igual ao seu sono em casa. Entretanto, isto geralmente não interfere na obtenção das informações necessárias durante o seu estudo.

No dia do seu exame, prepare em uma bolsa seus objetos de uso corriqueiro para passar uma noite fora de casa. Se desejar, leve seu próprio travesseiro e roupa de cama. Se você precisar de algo especial, comunique a clínica para as devidas providências.

 O que vai acontecer quando eu chegar ao Laboratório do Sono?

Quando você chegar ao Laboratório do Sono no horário marcado, o técnico do sono irá recebê-lo e vai lhe mostrar seu quarto. Você poderá ver o equipamento que será utilizado e poderá esclarecer suas dúvidas. Você deverá informar ao técnico sobre quaisquer alterações no seu sono ou estado de saúde que não tenha informado ao médico que solicitou o exame.

Você terá tempo para se trocar e ficar pronto para dormir como você faz na sua casa. Poderá haver um período de espera antes que o técnico inicie a aplicação dos eletrodos, durante o qual você poderá ler, ver TV ou relaxar. Se você tiver algum compromisso na manhã seguinte, informe ao técnico antes de iniciar o estudo para acertar a hora de interrupção do exame. De qualquer maneira, a sua hora de levantar deverá ser confirmada pelo técnico quando você chegar ao laboratório do sono.

Enquanto você estiver dormindo, várias funções vitais do seu organismo estarão sendo monitorizadas. O técnico irá acompanhar,da sala de controle, o seu sono durante a noite toda. Se ele detectar a presença de algum distúrbio respiratório do sono durante o estudo, o técnico poderá acordá-lo na metade da noite para pedir que você experimente um aparelho para o tratamento de tais distúrbios.

Este aparelho, chamado de CPAP (pressão positiva nas vias aéreas), inclui uma pequena máscara colocada sobre o seu nariz. Seu médico poderá orientá-lo sobre a possível necessidade de usar este tipo de equipamento. Se no seu caso existir a possibilidade, o técnico irá ajustar a máscara antes do início do exame para assegurar uma adaptação confortável, e você terá chance de praticar com o equipamento antes de ir para a cama.

O que acontece se eu estiver agendado para um teste durante o dia?

Em alguns casos, um teste adicional chamado de Teste das Latências Múltiplas do Sono, é necessário como parte da avaliação de alguns distúrbios do sono. Para sua realização é necessário que você permaneça no laboratório do sono durante a maior parte do dia seguinte ao exame noturno, para uma série de cochilos curtos. Estes cochilos serão programados em intervalos regulares durante o dia. Seu sono será monitorizado com a maioria dos sensores que foram utilizados durante a noite precedente.

A quantidade e o tipo de sono que você apresentar durante estes cochilos pode ajudar seu médico a avaliar melhor queixas de sonolência excessiva e tomar decisões sobre o diagnóstico e o tratamento de alguns distúrbios do sono.

Certifique-se da necessidade ou não de permanecer durante o dia seguinte no laboratório do sono para se planejar com antecedência. Informe-se com o laboratório do sono a respeito do planejamento das refeições durante o dia e da hora em que você será liberado.

Devo tomar minhas medicações normalmente?

É muito importante que o seu médico e o técnico do sono tenham conhecimento de todas as medicações que você está tomando, porque certas medicações podem afetar o sono e interferir na interpretação do estudo. Em alguns casos, o uso de certas medicações precisa ser interrompido gradativamente antes do estudo do sono para que os resultados possam ser interpretados corretamente. Nunca interrompa o uso de nenhum medicamento sem primeiro conversar com seu médico. Lembre-se de não ingerir café ou bebidas alcoólicas no dia do estudo, a menos que seu médico oriente o contrário.

O que acontece após meu exame?

Quando a análise do seu estudo estiver completa, você provavelmente irá retornar ao seu médico para discutir os resultados e as recomendações de tratamento.

Para compreender da forma mais completa possível os resultados do seu estudo do sono, suas implicações e as recomendações terapêuticas para o seu caso, converse com seu médico ou com um especialista em Medicina do Sono. Os resultados do estudo não são passados via telefone devido à sua complexidade.

Eventualmente alguns procedimentos adicionais ou até mesmo a repetição do teste são necessários para estabelecer o diagnóstico ou avaliar o tratamento. Seu médico irá lhe informar se este for o caso.

Conclusão

Esperamos que sua experiência no laboratório do sono seja a melhor possível. A compreensão dos processos do sono e a avaliação dos distúrbios relacionados são muito importantes para a qualidade da sua vida.

Polissonografia domiciliar

Em alguns casos o mesmo exame de polissonografia que é realizado na clínica pode ser realizado no conforto do lar do paciente, onde o ambiente facilita o sono e minimiza o incômodo causado pelos sensores necessários para a monitoração do sono.

A Somed dispõe de polígrafos portáteis de última geração, que permitem que a acurácia do teste realizado em casa seja a mesma do teste realizado no laboratório do sono da clínica, especialmente quando a indicação do exame for o diagnóstico da apneia do sono.

Para a avaliação da insônia, nos casos em que o exame do sono for indicado, a polissonografia domiciliar traz a vantagem do conforto do ambiente doméstico, e de interferir menos com o sono de quem já tem dificuldade para dormir.

Polissonografia infantil

Diversos distúrbios do sono podem acometer as crianças, como ronco, apneia do sono, insônia, parassonias, pesadelos, entre outros. A polissonografia é o melhor método de estudo do sono e padrão ouro para o diagnóstico de vários distúrbios.

A realização do exame de polissonografia em crianças é um desafio, pois demanda uma série de adaptações técnicas e ambientais para que se possa realizar o exame adequadamente e obter um resultado satisfatório.

A Somed já realiza polissonografia em crianças de qualquer idade e oferece ambiente e atendimento diferenciados para que a criança e o responsável que a acompanha durante o exame tenham todo o conforto e tranquilidade necessários.

Em caso de dúvidas a respeito da indicação e realização da polissonografia em crianças, entre em contato com a Somed.

Teste das múltiplas latências do sono

A função deste teste é de avaliar objetivamente o grau de sonolência diurna dos pacientes. Este exame auxilia na realização do diagnóstico da narcolepsia, uma doença genética causadora de sonolência excessiva diurna.

O teste é realizado durante o dia, imediatamente após uma polissonografia noturna. Após o exame noturno, o paciente terá 5 oportunidades de “cochilar” durante o dia, com intervalos de 2 horas entre elas. Durante estes “cochilos”, a monitorização eletrofisiológica permite detectar a ocorrência de sono, assim como detalhar os estágios do sono que estiveram presentes.

A avaliação dos resultados do teste das múltiplas latências permite quantificar a intensidade da sonolência diurna e indica a possibilidade da presença da narcolepsia.

Apenas alguns centros de Medicina do Sono no Brasil realizam este exame, e a Somed é um deles.

simbolo somed

Tratamentos

Na Somed você encontra reunidos no mesmo local tratamentos e exames nas áreas de medicina do sono, pneumologia e otorrinolaringologia:

medicina-do-sono

Distúrbios do Sono

doenca-respiratoria

Doenças Respiratórias

pneumo

Otorrinolaringologia

simbolo somed

EXAMES

Contamos com um dos mais modernos e confortáveis laboratórios de sono do Brasil. Os exames são realizados com polígrafos de última geração, capazes de produzir registros de um grande número de variáveis fisiológicas durante o sono com grande qualidade de aquisição.

simbolo somed

Últimos Posts do Blog

Polissonografia: como funciona e para que serve?

Polissonografia: como funciona e para que serve?

Você sabia que enquanto você dorme diversas áreas do seu cérebro controlam o sono e influenciam seus diferentes estágios? A polissonografia, também conhecida como estudo do sono, é a monitorização dessas diversas funções do organismo realizada enquanto o paciente está...

read more
Existe relação entre ronco e ganho de peso?

Existe relação entre ronco e ganho de peso?

O ronco e o ganho de peso podem sim estar relacionados, afinal o ronco é um distúrbio respiratório do sono comum que, em muitos casos, está relacionado ao sobrepeso. Além disso, sono e alimentação possuem uma relação importante. Continue a leitura e saiba mais! Sono e...

read more
Quais são as causas da falta de ar?

Quais são as causas da falta de ar?

A falta de ar ou dispneia é uma sensação caracterizada pela dificuldade intensa de respirar, que pode ter origens muito diversas. Em geral, é um sintoma que causa muita angústia no paciente, afinal, pode ser sinal de algum problema sério - como a infecção por...

read more